EM TEIXEIRA DE FREITAS, “MUMU” É PRESO ACUSADO DE ASSASSINATOS E TENTATIVA DE HOMICIDIO
"Mumu" a esquerda, e Alessandro, foram presos pela Ceto.

“Mumu” a esquerda, e Alessandro, foram presos pelo Ceto.

Alessandro Lima Gomes, 29 anos, que tem três passagens pela Cadeia Pública de Itamaraju, e Fabrício Lima Gomes, o “Mumu”, de 21 anos, que já tem uma passagem por crime de receptação, tiverem suas prisões temporárias decretadas no final da tarde de quarta-feira, 23 de janeiro. Os dois estão presos na 8ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior e são acusados de terem matado Genésio Vieira de Sousa, o “Bolota”, 33 anos, assassinado com quatro tiros no interior de sua própria casa, por volta das 15 horas da última sexta-feira, 18 de janeiro, na rua Guarani, centro de Teixeira de Freitas. Outra acusação que pesa sobre os dois é a autoria de uma tentativa de homicídio contra Diogo da Silva Miranda, 22 anos, ocorrida no dia 4 de janeiro, na rua Nova Cruz, no bairro Jardim Planalto. Segundo o delegado Marco Antônio Neves, titular de Teixeira de Freitas, Alessandro e “Mumu” já estavam sendo investigados pelos dois crimes através do núcleo do Serviço de Investigação em Locais de Crime (SILC), quando foram detidos em uma ação da Companhia de Emprego Tático Operacional (Ceto) no último domingo, 20 de janeiro.

Fonte: Sul Bahia News

COMPARTILHE