Empresa de material esportivo é a 5ª a romper com o Boa Esporte após contratação de Bruno

O acerto de Bruno trouxe mais uma consequência negativa para o Boa Esporte (Boa Esporte, é uma associação esportiva mineira fundada originalmente em Ituiutaba, pontal do triângulo mineiro, em 30 de abril de 1947, tornando-se profissional em 1998.). Na tarde desta segunda-feira, a Kanxa comunicou que não fabricará mais o material esportivo do clube. Em nota oficial, o clube confirmou a rescisão contratual com o clube boveta: “A Kanxa informa que, a partir de hoje, a empresa não é mais fornecedora do material esportivo do Boa Esporte Clube”. Além da Kanxa, outros quatro patrocinadores se afastaram do Boa Esporte: o patrocinador máster Góis & Silva, e as empresas Nutrends Nutrition, Cardiocenter e Magsul. O jogador de 32 anos é aguardado nesta segunda-feira para fazer exames. Sua apresentação está marcada para esta terça-feira no Boa Esporte. O clube boveta anunciou a contratação de Bruno semanas após ele ter deixado a cadeia, graças a um habeas corpus concedido pelo STF. Ele aguardará em liberdade o recurso da condenação a 22 anos e três meses de prisão por sequestro, morte e ocultação de cadáver da modelo Eliza Samudio.

COMPARTILHE