IDOSO DE 69 ANOS MORRE POR H1N1; CASO É O 9º REGISTRADO EM SALVADOR
Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Um idoso de 69 anos, morador do bairro de Brotas, morreu por complicações causadas em decorrência do vírus do tipo H1N1. É o nono óbito registrado em Salvador este ano, sete deles apenas no mês de maio. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), o homem, que fazia parte do grupo de risco, não chegou a ser vacinado. Esse ano já foram confirmados 37 casos de influenza no município, sendo 16 para os subtipos H1N1 e H3N2, respectivamente, e 5 para influenza B. A SMS informou ainda que, com apenas uma semana para o término da campanha de vacinação contra a gripe, que será finalizada em 31 de maio, cerca de 150 mil pessoas que compõem o público alvo ainda precisam se proteger contra a doença no município. Somente 517 mil indivíduos que fazem parte da população elegível receberam a dose da vacina na capital baiana desde 10 de abril, quando começou a campanha, número que corresponde a 73% de cobertura. A meta é imunizar pelo menos 90% do público, conforme preconiza o Ministério da Saúde. Com informações do Bahia Notícias

Comente pelo Facebook
COMPARTILHE