JUROS DO CARTÃO DE CRÉDITO E CHEQUE ESPECIAL CAEM EM JUNHO E NO 1º SEMESTRE
Foto: Marcos Santos/USP Imagens

Foto: Marcos Santos/USP Imagens

Apesar da queda registrada em junho e no primeiro semestre, os juros médios cobrados pelas instituições financeiras no cheque especial e no cartão de crédito rotativo se mantiveram próximos da marca dos 300% ao ano, de acordo com os números divulgados hoje (27) pelo Banco Central. Segundo o BC, a taxa media do cheque especial passou de 311,9%, em maio, para 304,9% ao ano em junho – uma redução de sete pontos porcentuais.

É o menor porcentual desde março de 2016. No primeiro semestre, o juro caiu 18,1 pontos porcentuais, pois estava em 323% ao ano no fim de 2017. O juro médio do cartão de crédito rotativo para pessoas físicas passou de 303,6%, em maio, para 291,9% ao ano em junho, uma redução de 11,7 pontos porcentuais. É a taxa mais baixa desde setembro de 2014. Na parcial anual, o índice caiu 40,2 pontos porcentuais, pois somou 332,1% ao ano no fechamento do ano passado.

Comente pelo Facebook
COMPARTILHE