Brasil: Mulher sai para fazer aborto e é encontrada morta

RTEmagicC_elizangela.jpg

Uma mulher foi encontrada morta na noite do domingo em Niterói, no Rio de Janeiro. Segundo familiares, Elizângela Barbosa, 32 anos, saiu de casa no sábado de manhã para fazer um aborto e não voltou mais. O caso é parecido com o de Jandira Magdalena dos Santos Cruz, 27 anos, que desapareceu quando foi fazer um aborto em Campo Grande, zona oeste do Rio.

Segundo o Extra, Elizângela tinha três filhos e não queria ter um quarto. Ela estava grávida de cinco meses. “O maior desejo dela era ter independência financeira para cuidar dos filhos. Isso, inclusive, era motivo de discussões entre nós. Havia oportunidades, mas ela sabia que não seria contratada grávida. Eu era contra o aborto, argumentava que era possível sustentar mais um filho. Só que ela já estava decidida”, disse ao Extra o marido de Elizângela, Anderson Santos da Silva, 27 anos.

Elizângela pagou R$ 2.800 para fazer o aborto no bairro de Sapê. O marido levou a mulher, com os filhos, até o ponto de encontro com um homem que a levaria até o local de fazer a intervenção. Foi a última vez que a família viu Elizângela. “Quando retornamos para casa, nossos filhos ainda perguntaram: “Será que a mamãe vai voltar?”, conta Anderson.

Fonte: Correio.

COMPARTILHE