Playboy é oficialmente intimada em processo movido por Neymar

patricia

A Playboy foi oficialmente intimada nesta terça-feira, 1, no processo movido por Neymar que pede a suspensão da venda da edição da publicação de junho, que traz na capa Patricia Jordane com o título “A morena que encantou Neymar”. A decisão foi publicada através de uma nota oficial no site do jogador. “Em prosseguimento ao noticiado por nós em 25/06 (Clique aqui e leia) informamos que a Abril Comunicações S/A, editora da Revista Playboy foi oficialmente intimada hoje (01/07) da decisão liminar da 3ª Vara Cível da Comarca de São Paulo que determinou a suspensão imediata da edição e venda de novos exemplares da edição de Junho de 2014 desta revista”.

Procurado pelo EGO, o diretor da revista, Sérgio Xavier, disse que a editora já entrou com recurso para derrumar a liminar. “Fomos notificados hoje na hora do almoço. Entramos com um recurso e isso já chegou na vara. A ação está andando em sigilo, não posso falar mais nada sobre o assunto”. Também procurada pelo EGO, Patricia não quis se pronunciar: “Não estou sabendo de nada, isso é com a Playboy”. Informações: EGO

De acordo com uma nota emitida no site oficial do jogador na semana passada, “a editora, além de divulgar uma mentira sobre a vida pessoal do Neymar Jr, utilizou indevidamente o seu nome, ou seja, sem a autorização da NR SPORTS, empresa dos pais do atleta e única detentora dos direitos de exploração da imagem, nome e seus atributos”.

Comente pelo Facebook
COMPARTILHE