POPÓ REVELA DÍVIDA DE EDÍLSON DE R$ 15 MIL: ‘SOLTEI ELE E ELE NÃO QUER ME PAGAR’
Foto : Vini Simoni/Metropress

Foto : Vini Simoni/Metropress

O ex-pugilista Acelino “Popó” Freitas revelou que o ex-atacante da dupla Ba-Vi e da seleção brasileira Edílson “Capetinha” tem uma dívida com ele de R$ 15 mil reais que não foi paga quando o futebolista deixou a prisão. Em entrevista à Rádio Metrópole hoje (1º), durante o Jornal da Cidade 2ª Edição, o boxeador revelou uma mágoa com o ex-jogador de futebol. Edílson chegou a ser preso em duas oportunidades por dever valores referentes à pensão alimentícia. “Eu soltei Edílson uma vez. Emprestei R$ 15 mil, já tem dois anos que não quer me pagar de jeito nenhum. Foi preso por pensão alimentícia, eu fui lá e disse que iria ajudar para soltá-lo. E até hoje ele me enrola para pagar. Ligo para ele, não fala nada. Me bloqueou do Instagram, do WhatsApp e ele me devendo”, disse o boxeador. Popó ainda contou de uma conversa que teve com Edílson antes de ser bloqueado nas redes sociais pelo ex-jogador. “Eu falei: ‘vou te pegar e dar uns paus’. Ele disse: ‘Lembre que você tem força de lutador, você sabe lutar’. Edilson, eu vou te pegar e você vai me pagar o que me deve. Ele estava preso na detenção, dei R$ 15 mil. Eu soltei ele na primeira vez que ele foi preso. Soltei o cara e não quer me pagar, faz evento toda semana e não quer me pagar”, disse Popó, que emenda: “Em todos os lugares que eu vou, que tem os amigos do futebol, eu falo: ‘Não empreste, ele é safado'”, afirmou.

Comente pelo Facebook
COMPARTILHE