IBIRAPITANGA: CÂMARA DERRUBA VETO DO PREFEITO SOBRE RETIRADA DE DIREITOS DOS SERVIDORES

Depois de uma série de derrotas na Justiça, o prefeito de Ibirapitanga, Isravan Barcelos,  sofre uma grande derrota na Câmara de Vereadores do Município, após tentativa de retirar direitos dos Servidores Públicos municipais. Diante dessa grave situação que trazia sérios prejuízos financeiros aos trabalhadores que recebem o adicional de insalubridade, o SINSERPI, Sindicato dos Servidores Públicos do município de Ibirapitanga, na pessoa de Joana Angélica (Gel de Novo Horizonte) e dezenas de servidores reuniram-se na Câmara de Vereadores na quarta-feira, 19, para pressionar os legisladores para votarem contra o veto do prefeito.

A Presidente do sindicato disse em plenário na Câmara que: “tudo isso é um absurdo, o prefeito tem que respeitar a classe, que não deve abaixar a cabeça para ninguém, pois o prefeito é servidor do povo e é empregado do povo e tudo isso que ele está fazendo com a classe é ilegal e por isso ninguém vai aceitar que se retire nenhum direito, os vereadores tem que votar de forma correta”.

Segundo Informações, após a indefinição, vários servidores gritaram na porta da Câmara a presença de todos os vereadores para que fizessem parte do plenário e derrubassem o veto do prefeito. Após o governo sugerir uma nova redação para o tema, os vereadores da oposição, Guilardo (PP), Nego de Antônio Máximo (DEM) e Ivan Come Sapo (DEM) disseram que votariam apenas e exclusivamente para derrubar o veto injusto e ilegal e que se fosse apresentado outro texto iriam se retirar da Câmara. Depois do impasse, todos os vereadores presentes derrubaram o veto de Ravan e garantiram a todos os servidores os seus direitos já conquistados há anos. Com informações do Ipolítica

COMPARTILHE