Brasil







Jovem morre ao tentar proteger a mãe durante assalto no Rio

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

Um jovem, de 22 anos, morreu na noite de terça-feira, 15, após tentar defender a mãe durante assalto em estabelecimento comercial, em Guaratiba, na zona oeste do Rio de Janeiro.  Durante os disparos, Matheus Lessa foi baleado no pescoço e não resistiu aos ferimentos. Segundo a Polícia Militar do Rio (PMERJ), os criminosos fugiram. Por volta das 19h30, policiais militares do 27º BPM (Santa Cruz) foram acionados para ocorrência na Rua Francisco Furtado.

No local, os militares foram informados que criminosos armados tentaram roubar um estabelecimento comercial e efetuaram disparos. O jovem se jogou em frente a mãe para evitar que ela fosse ferida. A área foi preservada por equipes do 27°BPM e a perícia foi acionada. Estadão  Conteúdo

COMPARTILHE

PT entrará com ação no STF contra decreto de posse de armas

PT vai entrar com uma Ação Direta de Inconstitucionalidade (Adin), no Supremo Tribunal Federal, para tentar sustar os efeitos do decreto assinado nesta terça-feira, 15, pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL) que facilita a posse de armas no País. A informação é do líder do partido na Câmara, o deputado Paulo Pimenta (RS). Segundo Pimenta, a ação deve ser protocolada ainda nesta semana, assim que o partido concluir o documento. O partido também pretende entrar com um projeto de decreto legislativo na Câmara, em fevereiro, quando acabar o recesso.

“Esse decreto (que facilita o posso de armas) terá consequências gravíssimas”, disse Pimenta. “Neste momento parece mais pagamento de promessa à indústria de armas do País”, afirmou o líder petista.  O argumento que o partido deve usar para a Adin é que o decreto extrapola os poderes do Executivo e modifica regras que deveriam passar pelo Legislativo.  O deputado criticou fortemente pontos do decreto e o considerou um “escárnio”. “Teremos uma explosão dos índices de criminalidade”, disse. “Mergulhará o País em um caos de violência”, opinou. Estadão Conteúdo

 

COMPARTILHE

Servidores de empresa elétrica morrem após cortarem energia de casa de integrante de facção

Foto: Reprodução / Youtube

Foto: Reprodução / Youtube

Funcionários da Companhia Energética do Maranhão (Cemar), identificados como João Victor Melo e Francivaldo Carvalho da Silva, foram mortos depois que cortaram a energia elétrica de uma residência em que supostamente morava um integrante de uma facção criminosa, na localidade de Paço do Lumiar, na região metropolitana de São Luís, no Maranhão.

Os servidores foram mortos a tiros dentro do veículo da empresa durante o horário de trabalho. De acordo com a Isto é, as investigações apontam que os responsáveis pelo crime seriam integrantes de uma facção criminosa que atua no local. A Cemar, em nota, afirmou que está colaborando com as informações.

COMPARTILHE

Após flexibilização da posse, deputados querem facilitar o porte de armas de fogo

Foto: Reprodução/Testes e Dicas

Foto: Reprodução/Testes e Dicas

Um grupo de deputados federais se articula para viabilizar a aprovação de um projeto de lei que flexibiliza o porte de armas. De acordo com informações da jornalista Julia Duailibi, os deputados da chamada bancada da bala querem aproveitar a disposição do governo em tratar o assunto. Nesta terça-feira (15), o presidente Jair Bolsonaro assinou um decreto flexibilizando as regras para a posse de armas. No entanto, é necessária uma mudança na legislação, alterando o Estatuto do Desarmamento, para facilitar o porte.

O Estatuto do Desarmamento permite o porte de armas apenas em casos específicos, como ser integrante das Forças Armadas, de órgãos de segurança pública ou de empresa de segurança privada. A expectativa da bancada da bala é revogar essa legislação e criar regras mais flexíveis para o uso de armas de fogo. Conteúdo reproduzido do Bahia Notícias

COMPARTILHE

Presidente da Funai pede exoneração do cargo

Foto : Valter Campanato / Agência Brasil

Foto : Valter Campanato / Agência Brasil

A Fundação Nacional do Índio (Funai) informou agora há pouco que o presidente do órgão, Wallace Bastos, pediu hoje (14) exoneração do cargo.Atualmente vinculada ao Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos, a Funai é responsável por promover e proteger os direitos de mais de 300 povos indígenas.

Segundo a colunista Andreia Sadi, do G1, a ministra responsável pela fundação, Damares Alves, avalia nomear como presidente da fundação o general do Exército, Franklimberg de Freitas. A decisão ocorre duas semanas após a fundação passar a ser subordinada ao Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos, e  também após o governo federal transferir o controle da demarcação de terras indígenas para o Ministério da Agricultura.

COMPARTILHE

Bolsonaro quer classificar ações de criminosos no Ceará como terrorismo

Foto: © Alan Santos/PR

O presidente Jair Bolsonaro defendeu, em publicação no Twitter, endurecer a legislação penal contra atos como incêndio ou depredação de bens, classificando-os como terrorismo. Fazendo menção à situação no Ceará, onde facções criminosas têm levado a cabo ações como detonação de explosivos em pontes e torres de transmissão em uma onda de ataques que já dura mais de dez dias, Bolsonaro defendeu ainda um projeto de lei que, segundo críticos, pode criminalizar movimentos sociais. “Ao criminoso não interessa o partido desse ou daquele governador. Hoje ele age no Ceará, amanhã em SP, RS ou GO.

Suas ações, como incendiar, explodir, … bens públicos ou privados, devem ser tipificados como TERRORISMO. O PLS 272/2016 do Sen. Lasier Martins é louvável”, escreveu o presidente na manhã deste sábado. O PLS 272 amplia os casos e condutas tipificadas na Lei Antiterrorismo. Para representantes de movimentos sociais, as mudanças tornam a classificação imprecisa e podem permitir a criminalização de movimentos sociais e de manifestações públicas. Atualmente, o projeto encontra-se pronto para votação na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) do Senado . O relator é o senador Magno Malta (PR-ES), que não obteve a reeleição. Com informações do Estadão Conteúdo.

COMPARTILHE

Em nota, Gleisi afirma que eleição na Venezuela foi legítima e constitucional

Gleisi Hoffmann, presidente do PT, justificou sua ida à Venezuela para a posse de Nicolás Maduro com uma nota emitida nesta quinta-feira (10). No comunicado, a deputada afirmou que a eleição no país vizinho foi legítima, constitucional e que o Brasil sempre respeitou os princípios de soberania e solidariedade entre as nações. As informações são do jornal Folha de S. Paulo.

“É inaceitável que se vire as costas ou tente tirar proveito político quando uma nação enfrenta dificuldades. Impor castigos ideológicos aos venezuelanos também resultará em graves problemas imigratórios, comerciais e financeiros para os brasileiros”, disse Gleisi na nota. “O PT estará sempre solidário ao povo, aos que mais precisam de apoio”, completou a presidente petista.

Maduro é acusado por opositores de ter fraudado o resultado das eleições, em maio do ano passado, para um mandato até 2025. Observações internacionais não estavam presentes na Venezuela, além da ausência de diversos líderes opositores nas urnas. Na última sexta-feira (4), o Grupo de Lima assinou um documento em que não reconhece a legitimidade do novo mandato de Maduro. Conteúdo: IstoÉ

COMPARTILHE

Justiça aceita denúncia e João de Deus vira réu por abusos sexuais

Justiça aceita denúncia e João de Deus vira réu por abusos sexuais

Foto: Reprodução

A juíza Rosângela Rodrigues dos Santos aceitou a denúncia contra o médium João de Deus, que virou réu pelos crimes de estupro de vulnerável e violação sexual, segundo o G1.  João de Deus foi acusado por dezenas de mulheres de cometer os abusos durante tratamento espiritual na Casa Dom Inácio de Loyola, em Abadiânia, onde fazia atendimentos. O médium nega os crimes.

COMPARTILHE

Casal é atingido por onda e morre afogado após tirar selfie em praia no RJ

Um casal morreu afogado na praia do Secreto, no Recreio dos Bandeirantes, na zona oeste do Rio de Janeiro, no último domingo (6). De acordo com o Corpo de Bombeiros, Jaqueline Amorim de Souza, 38, e Marcelo Francisco Maciel, 37, foram até as pedras para tirar uma selfie quando uma onda forte os derrubou e arrastou para o mar. O corpo de Jaqueline foi encontrado na tarde de segunda-feira (7) e o de Marcelo, localizado no começo da noite na praia da Macumba, segundo os bombeiros.

Pertences do casal foram achados nas pedras. Chamada de praia do Secreto, o local é na verdade uma piscina natural formada por rochas que represam a água do mar. Não há faixa de areia, somente rochas por todos os lados. O local, que tem sido cada vez mais explorado por cariocas e turistas, fica entre a praia da Macumba e a Prainha. Só é possível acessá-lo por meio de uma trilha íngreme.

COMPARTILHE

Bandidos incendeiam estação ambiental e atacam oficina no Ceará

Bandidos incendeiam estação ambiental e atacam oficina no Ceará

Os criminosos incendiaram veículos em uma oficina em Fortaleza.

Bandidos voltaram a cometer ataques no Ceará e incendiaram uma estação ambiental em Icapuí, no litoral do estado, entre a noite de domingo (6) e a madrugada desta segunda-feira (7). Além disso, segundo o G1, os criminosos incendiaram veículos em uma oficina em Fortaleza, capital cearense. Em todo estado, chegou a 115 o número de ações criminosas desde o início da onda de violência na última quarta-feira (2).

COMPARTILHE

Criança de três anos morre após ser picado por escorpião

Criança de três anos morre após ser picado por escorpião

Foto: Flickr/Prefeitura São José dos Campos

Duas semanas depois de ter sido picado por um escorpião, um menino de 3 anos morreu neste sábado (5), em Itapetininga, interior de São Paulo. Essa é a primeira morte de crianças em decorrência de acidentes com escorpião este ano. No ano passado, houve 12 óbitos, a maioria de crianças, conforme o R7. Enzo Gabriel Fernandes Alexandrino brincava na casa de uma tia, no bairro Nova Itapetininga, no dia 22 de dezembro, quando recebeu a picada na mão. A criança recebeu o soro antiescorpiônico no pronto-socorro do Hospital Leo Orsi Bernardes, na cidade, mas não reagiu.

Dois dias depois, com o quadro agravado, o menino foi transferido para o Hospital Regional de Sorocaba, recebeu medicação, mas entrou em coma. O corpo foi sepultado no fim da tarde de sábado, no Cemitério São João Batista, em Itapetininga. Conforme boletim do Centro de Vigilância Epidemiológica (CEV) do Estado, de janeiro a 17 de dezembro de 2018, houve 26.929 ataques de escorpiões no Estado, causando 12 mortes. Os números são maiores que em igual período de 2017, quando foram 21.711 ataques e 7 mortes.

COMPARTILHE

Mesmo com Força Nacional, Ceará sofre terceira noite de ataques criminosos

Mesmo com Força Nacional, Ceará sofre terceira noite de ataques criminosos

Foto: Thiago Gadelha / Diário do Nordeste

O Ceará viveu entre a noite desta sexta-feira (4) e a madrugada deste sábado (5) uma série de ataques criminosos pelo terceiro dia consecutivo. Os casos foram registrados mesmo após a chegada da Força Nacional de Segurança, que tiveram o envio autorizado pelo ministro da Justiça, Sérgio Moro. Nas últimas horas, foram registrados ataques a prédios públicos e incêndios contra veículos. Em Fortaleza, dois veículos que estavam no pátio de uma concessionária foram queimados durante a madrugada.

Por conta dos crimes, apenas 108 ônibus de 41 linhas devem circular neste sábado. De acordo com levantamento do G1, o número de ataques chegou a 71 desde o início da onda de crimes. Agentes da Força Nacional de Segurança chegaram ao Ceará na noite desta sexta, mas só devem atuar a partir deste sábado.

COMPARTILHE

Comitiva do prefeito de Duque de Caxias é alvo de tiros

Foto: Arquivo/Agência Câmara

Foto: Arquivo/Agência Câmara

A comitiva do prefeito da cidade fluminense de Duque de Caxias, Washington Reis, foi alvo de tiros nesta sexta-feira (4), mas o político não foi ferido e passa bem. O comboio foi surpreendido por criminosos armados na localidade do Cangulo, onde o prefeito vistoriava obras. No primeiro comunicado à imprensa, a prefeitura classificou o incidente de atentado e informou que o carro do prefeito foi alvejado.

Mais tarde, a prefeitura divulgou outra nota na qual informava que o carro atingido tinha sido o que acompanhava o prefeito e levava a equipe de apoio dele.  O caso foi registrado na 60ª Delegacia de Polícia (Campos Elísios). Washington Reis está no segundo mandato como prefeito de Duque de Caxias. Antes de assumir o atual mandato, em 2017, ele foi prefeito da cidade de 2005 a 2008. Reis também já foi deputado federal e subsecretário estadual de Obras Metropolitanas, durante a gestão do governador Sérgio Cabral. Conteúdo reproduzido do BNews

COMPARTILHE

Bolsonaro sanciona lei que permite falta escolar por motivo religioso

Foto: Keiny Andrade/Estadão

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) sancionou lei que permite alternativas para estudantes que deixam de comparecer a aulas ou provas por motivos religiosos. A determinação não será aplicada em instituições de ensino militares. As escolas, públicas e particulares, terão um prazo de dois anos para se adequar à medida. A lei, publicada na edição desta sexta-feira, 4, do Diário Oficial da União, entra em vigor em um prazo de 60 dias. A lei beneficia todas as crenças religiosas. A proposta vale, por exemplo, para fieis das religiões sabatistas, que guardam o período do por-do-sol da sexta-feira até o do sábado para se dedicar ao contato com o sagrado, como adventistas do sétimo dia e batistas do sétimo dia.

O texto estabelece que para garantir o direito é necessário que o aluno avise a escola previamente. “É assegurado, no exercício da liberdade de consciência e de crença, o direito de, mediante prévio e motivado requerimento, ausentar-se de prova ou de aula marcada para dia em que, segundo os preceitos de sua religião, seja vedado o exercício de tais atividades”, diz o texto sancionado. No caso da ausência, a instituição de ensino poderá ofecer ao aluno a reposição da aula ou prova ou a opção de fazer um trabalho escrito ou outra atividade de pesquisa com tema e objetivo definidos pela escola. Nenhuma das opções poderá ter custos ao estudante. A medida não é válida para o ensino militar porque a modalidade é regulada por lei específica.

ORIGEM

O projeto de lei passou por comissões da Câmara e do Senado no ano passado, antes de ser aprovado e chegar à sanção do presidente. Na Câmara, o projeto de autoria do deputado Rubens Otoni (PT-GO) teve relatoria da deputada federal Maria do Rosário (PT-RS) na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), onde foi aprovado em caráter conclusivo, ou seja, sem que fosse necessária a votação em Plenário. No dia da aprovação do projeto, a deputada disse que a proposta é uma “medida de justiça” aos estudantes. “Na atual sistemática, eles ficam forçados a escolher entre ser coerentes com suas crenças ou acessar os benefícios da educação escolar de forma integral.”

ENEM

Em 2017, o Ministério da Educação (MEC) alterou o formato do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), que deixou de ser aplicado em um fim de semana (sábado e domingo) para ser aplicado em dois domingos consecutivos. Um dos motivos para a mudança foi a situação de alunos sabatistas que tinham de aguardar até as 19 horas em uma sala para poder iniciar a prova de sábado sem ferir seus preceitos religiosos.

COMPARTILHE

Bolsonaro critica auxílio-reclusão e promete rever regras

Foto: Marcos Correa/Presidência da República / Estadão Conteúdo

O presidente Jair Bolsonaro criticou a forma atual de pagamento do auxílio-reclusão, concedido a famílias de detentos, e prometeu rever as regras para desinchar a máquina pública e “fazer justiça”. O comentário foi feito em sua conta no Twitter. “O auxílio-reclusão ultrapassa o valor do salário mínimo. Em reunião com ministros, decidimos que avançaremos nesta questão jamais colocada em pauta quando se trata de reforma da previdência e indevidos. Em cima de muitos detalhes vamos desinchando a máquina e fazendo justiça”, escreveu Bolsonaro.

Conforme o Estadão/Broadcast relevou no fim de dezembro, o novo governo vai focar em medidas que não dependem da aprovação do Legislativo antes de apresentar uma proposta de reforma da Previdência. Uma dessas medidas é a implementação de uma carência para que o segurado do INSS receba o auxílio-reclusão. A ideia é estipular uma exigência de 12 contribuições mensais, carência não existente hoje. Bolsonaro também falou sobre segurança pública e a atuação de policiais. “Sem garantias necessárias para os agentes de segurança pública agirem em prol do cidadão de bem, a diminuição dos crimes não vai ocorrer na velocidade que o brasileiro exige. Os poderes legislativo, executivo e judiciário têm que assumir este compromisso urgentemente.” Com informações do Estadão Conteúdo

COMPARTILHE

SEGURADORA DARÁ R$ 2 MIL PARA BEBÊS QUE NASCEREM NA VIRADA DO ANO

SEGURADORA DARÁ R$ 2 MIL PARA BEBÊS QUE NASCEREM NA VIRADA DO ANO

Seguradora dar plano de previdência.

Os bebês que nascerem de parto normal nas primeiras duas horas de 2019 vão receber um plano de previdência com R$ 2.019 investidos. A ação Bebês da Virada é uma iniciativa da Icatu Seguros, e tem o objetivo de despertar a população para a importância do planejamento do futuro financeiro desde cedo. “A ideia é conscientizar desde o nascimento e não conscientizar só os jovens, mas as pessoas que estão voltadas ao sustento de outras que não são diretas da linha sucessória, como avós e tios, e assim por diante”, explica o superintendente da Icatu em São Paulo, Alexandre Malho.

Esse será o quinto ano consecutivo do projeto. Nos quatro primeiros anos, mais de 100 famílias foram beneficiadas. Para participar, basta a família entrar em contato com a Icatu Seguros e apresentar a certidão de nascimento do bebê. Na virada de 2017 para 2018, 30 crianças de oito estados brasileiros foram contempladas com o plano de previdência privada gratuito com R$ 2.018 investidos. Da Agência Brasil.

COMPARTILHE

Emprego informal cresce e população ocupada atinge maior nível da história, diz levantamento

Entretanto, o desemprego ainda permanece com índices altos

Entretanto, o desemprego ainda permanece com índices altos.

Levantamento divulgado nesta sexta-feira (29), pelo jornal Folha de S. Paulo aponta que o mercado de trabalho chega ao fim do ano com um número de 12,2 milhões de desempregados, mas que, em contrapartida, a população ocupada atingiu o maior nível da série histórica: 93,1 milhões. O número é explicado pelo crescimento do trabalho informal, o que leva, diz o levantamento, à inclusão do contingente no total da população ocupada.

Entretanto, o desemprego ainda permanece com índices altos. No trimestre que inclui os meses de setembro, outubro e novembro, a taxa de desemprego  no país chegou a 11,6%, o que, em números redondos, é convertido em 12,2 milhões de pessoas desocupadas, segundo dados do IBGE publicados na última quinta (28).

COMPARTILHE

PF apura suposta ameaça terrorista à posse de Bolsonaro

A Polícia Federal vai investigar em um inquérito uma suposta ameaça de atentado na posse do presidente eleito, Jair Bolsonaro, marcada para o dia 1º. Segundo uma fonte da PF disse ao Estado, a atuação do órgão na posse presidencial não será alterada. A autoria é de um grupo que se define como terrorista e reivindicou ter colocado uma bomba em uma igreja em Brazlândia, região administrativa do Distrito Federal, na madrugada de Natal, no dia 25 – o artefato explosivo foi desarmado pela Polícia Militar.  A Polícia Civil começou a investigar o caso e chegou a um grupo autointitulado “Maldição Ancestral”, que disse ter colocado a bomba ao lado da Igreja Santuário Menino Jesus, no centro de Brazlândia. As informações foram remetidas à PF, que tem atribuição de investigar suspeitas de ameaças a presidentes da República. O caso foi revelado pelo site Metrópoles. No site do grupo autodenominado antipolítico e terrorista, há um texto considerado pela Polícia Civil como ameaça a Bolsonaro. “Se a facada não foi suficiente para matar Bolsonaro, talvez ele venha a ter mais surpresas em algum outro momento, já que não somos os únicos a querer a sua cabeça”, diz o trecho do texto. “Dia 01 de Janeiro de 2019 haverá aqui em Brasília a posse presidencial, e estamos em Brasília e temos armas e mais explosivos estocados…”, acrescentou o grupo, que se diz “em tocaia terrorística contra o progresso humano”.

SEGURANÇA

Segundo uma fonte na Polícia Federal disse ao jornal O Estado de S. Paulo, o protocolo de segurança da PF no dia da posse, 1º de janeiro, não será alterado por causa dessa ameaça. A Polícia Federal, no entanto, faz apenas a segurança mais próxima do presidente eleito.  Outros órgãos também atuarão no evento, como o GSI, o Exército, a Força Nacional e a Secretaria de Segurança Pública do Distrito Federal, e a PF não tem como afirmar se outros órgãos mudarão algo no esquema de segurança. A investigação sobre a tentativa de atentado na igreja em Brazlândia continuará a ser apurada pela 18ª Delegacia de Polícia Civil.  Fonte: Estadão Conteúdo

COMPARTILHE

Ex-governador do Espírito Santo é morto a tiros em Vitória

Ex-governador do Espírito Santo é morto a tiros em Vitória

Gerson Camata tinha 77 anos I Foto: Reprodução

O ex-governador do Espírito Santo, Gerson Camata, de 77 anos, foi morto a tiros na tarde desta quarta-feira (26) em Vitória. De acordo com informações do G1, ainda não há informações sobre a motivação do crime. O autor dos disparos fugiu, mas foi preso em seguida. Uma ambulância do Samu chegou a ser acionada, mas Camata não resistiu e morreu no local.

Ex-governador do Espírito Santo é morto a tiros em Vitória

Autor do crime foi encaminhado para prestar depoimento ao DHPP.

O crime aconteceu na Praia do Canto. Depois de ser detido, o autor do crime foi encaminhado para prestar depoimento ao Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). Camata foi governador do Espírito Santo entre 1982 e 1986 e também ocupou o cargo de senador entre 1987 até 2011. Ele também já foi vereador de Vitória, deputado estadual e deputado federal.

COMPARTILHE

Polícia considera João de Deus como um homem ‘perigoso’

Foto: Walterson Rosa/Folhapress

Foto: Walterson Rosa/Folhapress

Preso no Núcleo de Custódia de Aparecida de Goiânia, o médium João de Deus é considerado, pela Polícia Civil de Goiás, como uma “pessoa perigosa”.  “O homem João de Deus é perigoso. Essa é a conclusão da Polícia Civil do estado de Goiás. […] Várias vítimas relataram situações de grande gravidade, foram violentadas sexualmente.

Nós temos caso aqui que a mãe foi abusada sexualmente, anos depois a filha também foi abusada sexualmente. Então o homem João de Deus, na verdade, é um criminoso”, disse o delegado Valdemir Branco, segundo o G1. João de Deus é suspeito de abusar mulheres que o procuravam para tratamento espiritual em Abadiânia. Ao todo, nove inquéritos policiais foram instaurados contra o médium. Conteúdo reproduzido do Bahia Notícias

COMPARTILHE

Sete pessoas de uma mesma família morrem em acidente de carro

Sete pessoas de uma mesma família morrem em acidente de carro

Foto: Reprodução/Arquivo Pessoal/Marli

Sete pessoas de uma mesma família, três adultos, duas crianças e dois bebês, morreram em um acidente na BR-153, em Porangatu, no norte de Goiás. De acordo com parentes, eles saíram de Aparecida de Goiânia, na região metropolitana da capital, para passar o Natal em uma festa com outros familiares em uma fazenda. Segundo bombeiros, o acidente aconteceu por volta do meio-dia do sábado (22) e envolveu três caminhões, um Ford Fiesta e um Siena. No Siena, estavam o pastor Jocelio Coutinho, de 39 anos, a mulher dele, Gislene Severo da Silva Coutinho, de 33 anos e a filha do casal, a pequena Ana Beatriz, de 4 meses de vida. Também estava o outro filho do casal, Davi Lucas, de 5 anos, e Mariana Caroline da Silva, sobrinha de Gislene. Todos morreram.  Já no Fiesta estavam o irmão de Gislene, Geurivanio Severo da Silva, de 39 anos, a mulher dele, a técnica em enfermagem Grazielli Viviane de Sousa Silva, de 31 anos, e três filhos do casal, sendo uma menina de 3 meses e dois meninos de 4 e 11 anos. Grazielli e a bebê, Beatriz Gabrielle, morreram no acidente.

Sete pessoas de uma mesma família morrem em acidente de carro

Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros

“Eles iam passar o Natal na fazenda da irmã deles, filha do meu ex-marido. Estavam todos muito felizes, iam levar as bebês para que ela conhecesse”, contou ao G1 Marli Silva, mãe de Gislene e Geurivanio. “Jocélio estava dirigindo e no banco da frente estava Mariana. O pai dela estava no Pará e ia encontrar depois com eles em Poragatu. Gislene estava atrás com os filhos”, relatou à publicação.  No acidente, a menina Ana Beatriz foi arremessada do Siena, que ficou carbonizado. A gartotinha morreu no Hospital Municipal de Porangatu. Geurivanio quebrou a clavícula e o menino de 4 anos fraturou a perna e a mandíbula. Já o outro de 11 anos não sofreu ferimentos. Dois motoristas de caminhões ficaram feridos e foram levados ao hospital, o terceiro não se feriu. De acordo com a polícia o acidente foi causado por um dos caminhoneiros. “O caminhão encostou num dos veículos de pequeno porte, que encostou no outro. Os dois carros rodaram e foram atingidos pela carreta que seguia do Tocantins para Anápolis. Esse caminhão bateu nos dois carros e em outro caminhão”, detalhou o inspetor da Polícia Rodoviária Federal, Newton Morais. Os três passaram pelo teste do bafômetro que apontou que eles não estavam alcoolizados.

COMPARTILHE

Para 65% dos brasileiros, economia vai melhorar

Essa pesquisa mostra uma mudança na percepção da população

Essa pesquisa mostra uma mudança na percepção da população.

Às vésperas da posse de Jair Bolsonaro (PSL) como presidente do Brasil, 65% dos brasileiros estão otimistas com a economia do país. Esse número é resultado de um levantamento feito pelo Instituto Datafolha, que ouviu 2.077 pessoas em 130 municípios nos dias 18 e 19 de dezembro. Para 24% dos entrevistados, a economia vai continuar como está e outros 9% acreditam que o pior está por vir.

Essa pesquisa mostra uma mudança na percepção da população, já que em agosto o instituto mostrou que 23% eram otimistas enquanto 41% achavam que a situação iria piorar. O levantamento também ouviu os entrevistados sobre outras questões. Quanto ao desemprego, 47% acreditam que vai cair, 29% acreditam que vai aumentar e 21% acham que não haverá mudança. Com isso, 43% acham que seu poder de compra vai aumentar, outros 36% acham que vai continuar estável e 18% acham que vai diminuir.

COMPARTILHE

João de Deus é indiciado por violência sexual mediante fraude

O médium João de Deus chega à Casa Dom Inpacio Loyola, em Abadiânia.

Foto: Reprodução

A Polícia Civil indiciou, nesta quinta-feira (20), o médium João de Deus pelo crime de violação sexual mediante fraude cometida contra uma mulher que buscou atendimento espiritual na Casa Dom Inácio de Loyola, em Abadiânia, cidade goiana do Entorno do Distrito Federal. A pena prevista para este crime é de dois a seis anos de cadeia, em regime fechado. Ele nega os crimes.

Agora, o Ministério Público de Goiás irá decidir, a partir deste inquérito, se denuncia o médium à Justiça ou não. O inquérito leva em conta o caso de uma vítima, de aproximadamente 40 anos, que teria sofrido abuso sexual em outubro deste ano. Segundo o relatório final, o líder religioso ofereceu presentes, como uma pedra de valor e dois quadros religiosos, depois de tentar atos libidinosos com a mulher, com o objetivo de silenciar a vítima.

COMPARTILHE

Depoimento de João de Deus tem teclado quebrado, gritos, fio queimado e agente ferido

Depoimento de João de Deus tem teclado quebrado, gritos, fio queimado e agente ferido

Foto: Reprodução/Folhapress

O depoimento de João de Deus, 76, na noite de domingo (16), em Goiânia, teve uma sequência de imprevistos que deixou os investigadores desconfiados. Na hora de o médium falar, segundo os presentes, o computador usado para registrar as alegações do preso parecia ter vida própria. “Você apertava uma tecla e ela OOOOOOOOO…”, descreveu a delegada Karla Fernandes, coordenadora da força-tarefa responsável pelo caso na Polícia Civil. Estava calor, e a delegada resolveu usar uma extensão para ligar o ar-condicionado. Segundo relata, o fio explodiu e, de quebra, queimou o frigobar. “Todo mundo gritou dentro da sala”, disse. João de Deus foi preso no domingo sob suspeita de abusos sexuais de suas pacientes em Abadiânia, no interior de Goiás. A oitiva com o médium estava marcada para ocorrer em Anápolis, cidade próxima à capital goiana, mas um imprevisto tirou o escrivão de circulação. Ele foi atropelado na BR-060, a caminho da delegacia, e quebrou o braço. O depoimento foi transferido para Goiânia. Foi possível domar o teclado, todos se recuperaram do susto da explosão do fio do frigobar e o interrogatório seguiu por mais de duas horas.

Para a delegada, os episódios podem não ser apenas obra do acaso. “Estamos diante de uma situação que envolve crenças e energias.” Questionada se estava com medo, disse: “Não, mas tenho respeito, até porque sou espiritualista”. Ela classifica João de Deus como um homem que tem, de fato, “um poder”. “Mas houve um desvio no meio do caminho”, disse a delegada. No depoimento que prestou à polícia, o médium negou qualquer tipo de culpa nos abusos sexuais dos quais é suspeito, e sua defesa tentou desqualificar as denunciantes. “Ele não admite [envolvimento]. Apresenta suas versões e cabe à polícia provar”, afirmou o delegado-geral da Polícia Civil de Goiás, André Fernandes, que acompanhou a oitiva. O médium falou por mais de duas horas a duas delegadas. Segundo a delegada Karla, ele respondeu a todas as perguntas e se recordou de alguns atendimentos feitos a mulheres que o denunciaram. O suspeito disse que a regra era recebê-las coletivamente, e não em recintos individuais, como consta dos relatos de supostas vítimas.

COMPARTILHE