24ª Operação Lava Jato: Lula se complica e a casa cai

Lulapreocupado

Não havia nenhuma expectativa, nem se imaginava que uma nova operação da Lava Jato, a 24ª, por determinação do juiz Sérgio Moro, chegasse ao apartamento do ex-presidente Lula e do seu filho, Fábio Luiz, o Lulinha. A casa caiu, no entanto, e a operação desencadeada às 6 horas da manhã de hoje chegou a endereços que eram considerados incólumes. Não só. Há policiais federais dentro do Instituto Lula, em São Paulo, e o País vira assim pelo avesso. Quem poderia imaginar que tal fato acordasse os brasileiros com uma informação tão bombástica a partir da operação denominada de Alathéia, o que significa em grego “em busca da verdade”? Vai além, muito além. São ao todo 44 mandados de busca e apreensão e de condução coercitiva que atingem a Bahia, Rio de Janeiro e São Paulo. A Odebrecht foi um dos alvos, assim como o apartamento tríplex de Guarujá, supostamente de Lula, e do sítio de Atibaia, que, de igual maneira, seria também do ex-presidente que será levado –ainda não se sabe – em condução coercitiva para depor, o que não significa que fique preso.

COMPARTILHE